Notícias

  • Arquivo do Avesso (programa 7)

    Arquivo do Avesso (programa 7)

    No dia 3 de junho, o Centro de Documentação de Ílhavo transmitiu na Rádio 23 Milhas, plataforma cultural do Município de Ílhavo, a sua rubrica semanal "Arquivo do Avesso". 

    Neste sétimo programa, o CDI esteve à conversa com a Doutora Ana Isabel Ribeiro da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra sobre o processo de pesquisa e construção de árvores genealógicas. E, no âmbito do projeto "Se esta rua fosse minha", viajámos até à Gafanha do Carmo com a investigadora Sara Santos do CDI e o Senhor Celestino Prior para calcorrear a estrada da memória da Rua Mestre Daniel Gonçalves.

    Afastados, mas em convívio nas ondas hertzianas da Rádio 23 Milhas em 105.00 FM ou em direto no Facebook.

    Para entrar em contacto connosco, envie um e-mail para cdi@cm-ilhavo.pt ou ligue para 234 092 496, e para aceder aos vídeos desta rubrica, clique aqui.

  • Kit Cultura dia a dia

    Kit Cultura dia a dia

    Em período de distanciamento social, os equipamentos culturais do Município de Ílhavo estão a utilizar a "distância" para se aproximar do seu público através de projetos colaborativos como a Rádio 23 Milhas, onde criaram rubricas semanais para promoção das suas atividades e difusão de conteúdos informativos especiais.

    E agora poderão estar ainda mais próximos com a implementação do Kit Cultura dia a dia, um serviço de entrega domiciliária de livros e material para realização de atividades temáticas.

    No mês de junho, o Centro de Documentação de Ílhavo está a promover a aquisição de três kits distintos: 
    KIT 1 - História e Patrimónios
    KIT 2 - Nossa Gente
    KIT 3 - Quem sai aos seus (gratuito)

    Para mais informações em como adquirir estes kits, clique aqui.

  • Projeto "Se esta rua fosse minha"

    Projeto "Se esta rua fosse minha"

    A Câmara Municipal de Ílhavo, através do Centro de Documentação de Ílhavo (CDI), deu início em 2018 a uma intensa pesquisa sobre a toponímia ilhavense, recolhendo histórias, curiosidades e mitos das ruas, becos, praças e pontes das freguesias do concelho.

    Com a designação de "Se esta rua fosse minha", este projeto apresenta como objetivos recolher, transformar e devolver informação sobre toponímia à comunidade, potenciando o reconhecimento do território e estimulando o sentimento de pertença.

    Colabore nesta iniciativa! Conte-nos as histórias, memórias e tradições da sua rua. Fale-nos das pessoas que nela viveram ou que lhe deram nome. Envie-nos fotografias e testemunhos.

    O seu contributo é fundamental! Ajude-nos a eternizar a sua rua!  

    Para mais informação, clique aqui.